Menu fechado

MASP SEMINÁRIOS | HISTÓRIAS BRASILEIRAS

Com o objetivo de estimular práticas curatoriais e artísticas que lidam com o legado e as complexidades de caráter social e político presentes em episódios…

Com o objetivo de estimular práticas curatoriais e artísticas que lidam com o legado e as complexidades de caráter social e político presentes em episódios históricos brasileiros, o MASP apresenta no dia 20.4.2021, das 11h às 15h30, o segundo seminário ‘Histórias Brasileiras’. O evento integra o projeto Histórias no MASP que, ao longo de 2021-22, contempla exposições, palestras, publicações e cursos dedicados às várias histórias do Brasil, de modo mais diverso, inclusivo e plural. Com organização de Adriano Pedrosa, diretor artístico, André Mesquita, curador, e Lilia Schwarcz, curadora-adjunta de histórias, todos da equipe do MASP, o seminário contará com as seguintes apresentações:

11h Introdução, Adriano Pedrosa, diretor artístico, MASP

11h10-12h40 ‘Através do espelho: uma história de trás para frente’, Daniel Munduruku, escritor indígena e doutor em Educação, USP ‘Brasil 2021 – Histórias de antropofagia e canibalismo no presente’, Paulo Herkenhoff, curador e crítico de arte, foi curador geral da XXIV Bienal de S. Paulo, em 1998 ‘Buscando traços de insubmissão: fotografia e histórias de mulheres negras no Brasil escravista’, Luciana Brito, professora de História da África, da Diáspora e dos Povos Indígenas, UFRB

14h-15h30 ‘Canudos: a República renegada pela República”’, Heloisa Murgel Starling, professora titular de História do Brasil, UFMG ‘A gripe espanhola em imagens’, Lilia Moritz Schwarcz, curadora-adjunta de histórias, MASP

A transmissão acontece a partir das 11h pelo perfil do MASP no YouTube e a programação completa está em: masp.org.br/seminarios/historias-brasileiras-2021

Legenda da tela inicial: Dalton Paula, ‘Zeferina’, 2018, acervo MASP, doação do artista, no contexto da exposição ‘Histórias afro-atlânticas’, 2018

O seminário ‘Histórias brasileiras’ é patrocinado por @ache.oficial, @leroymerlinbrasil, Instituto Votorantim, @livelo e @eunoultra